Glaucopsyche melanops

Glaucopsyche melanops (Boisduval, 1828)

Classe: Insecta

Ordem: Lepidoptera

Família: Lycaenidae

Género: Glaucopsyche

Nome-comum: Pintinhas

Com uma distribuição limitada esta espécie existe no Norte de África, Península Ibérica, Sul de França e Norte de Itália. Em Portugal encontra-se em todo o país e é comum.

Esta espécie tem como habitat preferencial estepes floridas de gramíneas, orlas de florestas e de caminhos.

Os adultos voam entre Março e Julho, reproduzindo-se uma vez por ano (1 geração – univoltina). A postura de ovos brancos é feita sobre flores abertas ou em botão. As lagartas são cinzentas esverdeadas com bandas laterais verdes e uma linha dorsal mediana verde escura. As suas plantas hospedeiras incluem erva-mata-pulgas (Dorycnium spp.), giestas (Cytisus spp.), cornichão (Lotus spp.) entre outras. Alimentam-se das flores destas plantas e podem associar-se com formigas do género Camponotus. Enquanto as formigas protegem as lagartas contra predadores ou parasitas, estas segregam uma substância açucarada da qual as formigas se alimentam.  As crisálidas têm manchas escuras e são hibernantes, abrigando-se entre a vegetação rasteira.

As borboletas da espécie apresentam dimorfismo sexual (diferença de forma entre sexos) acentuado. Assim, enquanto que a parte superior das asas dos machos são inteiramente azuis, as das fêmeas apresentam uma orla marginal castanha extensa.

 

Bibliografia:

Maravalhas E, Garcia-Pereira P & Schmitt T. 2003. Monografia (Continente). Família Lycaenidae. In As Borboletas de Portugal. Maravalhas E (ed.). Pp. 214-253.

Redondo V, Gastón J & Vicente JC. 2010. Las Mariposas de España peninsular. Manual Ilustrado de las especies diurnas Y nocturnas. Prames Ediciones. Zaragoza. 405 pp.

Links:

Naturdata

Fauna Europea